O Dia Mundial da Segurança Sanitária de Alimentos foi instituído pela Assembleia Geral das Nações Unidas através da Resolução nº 73/250 (A/RES/73/250), com base nos seguintes princípios:

  • Não existe segurança alimentar sem segurança sanitária de alimentos e qualquer incidente sobre este último tem impacto negativo na saúde pública, comércio e economia a nível global;
  • As Doenças Transmitidas por Alimentos representam um fardo elevado na economia e na saúde a nível mundial e afetam indivíduos de todas as faixas etárias, em particular crianças com idade inferior a 5 anos e pessoas que vivem em regiões com acentuado nível de pobreza;
  • O reforço da segurança sanitária dos alimentos, contribui positivamente para o comércio, a disponibilidade de emprego e a diminuição da pobreza;
  • A necessidade urgente de consciencializar a todos os níveis, promover e facilitar ações para a SSA a nível global, com base nos princípios científicos e alinhados com o Acordo da Organização Mundial do Comércio sobre a Aplicação de Medidas Sanitárias e Fitossanitárias;
  • Recordar o papel de liderança da Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO) e a Organização Mundial da Saúde (OMS), na definição de normas alimentares internacionais padronizadas com vista a proteção da saúde dos consumidores e assegurar práticas justas no comércio, e ainda capacitar os países para implementar sistemas nacionais de controlo da segurança sanitária dos alimentos.

Assim, a data tem o objetivo de chamar a atenção e inspirar ações para ajudar a prevenir, detetar e gerir riscos transmitidos por alimentos, contribuindo para a segurança alimentar, a saúde humana, a prosperidade económica, a agricultura, o acesso ao mercado, o turismo e o desenvolvimento sustentável.

 

 

SOBRE O TEMA 2021 - “Alimentos seguros agora para um amanhã saudável”

O consumo e a produção de alimentos seguros trazem benefícios imediatos e a longo prazo para as populações, o planeta e a economia. A disponibilidade de alimentos seguros e saudáveis ​​para todos pode ser sustentada no futuro com a adoção de inovações digitais, soluções científicas avançadas, bem como respeitando conhecimentos tradicionais que tem resistido aos tempos.

Nossos sistemas alimentares precisam produzir alimentos seguros e suficientes para todos. Reconhecer as conexões sistêmicas entre a saúde das pessoas, animais, plantas, o meio ambiente e a economia nos ajudará a atender às necessidades do futuro. Ações locais baseadas em soluções equitativas, geralmente novas, e colaboração multissetorial fortalecida são essenciais para o cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

 


Confira a mensagem da ERIS por ocasião da celebração:

Siga-nos