Todos os anos, de 18 a 24 de novembro, a Semana mundial de sensibilização para o uso consciente de antimicrobianos visa aumentar o conhecimento sobre a resistência à antibióticos e outros medicamentos antimicrobianos e incentivar as melhores práticas entre a população, os profissionais de saúde, os profissionais da agricultura e os formuladores de políticas, tendo em vista evitar o aumento da propagação da resistência aos antimicrobianos.

Para 2021, a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO), a Organização Mundial da Saúde Animal (OIE) e a Organização Mundial da Saúde (OMS) definiram o tema “Promover a consciência e acabar com a resistência” para a Semana mundial de sensibilização para o uso consciente de antimicrobianos (WAAW, do inglês World Antimicrobial Awareness Week). O slogan abrangente da WAAW continua sendo “Antimicrobianos: manuseie com cuidado”.

Atualmente a resistência aos antibióticos e outros medicamentos antimicrobianos é considerada uma das maiores ameaças à saúde pública, e assim, a WAAW tem o objetivo de tornar a resistência aos medicamentos uma questão globalmente reconhecida com o envolvimento de todos os setores - humano, animal, vegetal e do meio ambiente, numa abordagem de saúde única.

Assim, com o tema “Promover a consciência e acabar com a resistência”, as entidades organizadoras pretendem promover a consciencialização sobre a necessidade de proteger a eficácia antimicrobiana por meio de prudência e responsabilidade no uso de antibióticos e outros medicamentos antimicrobianos e não só, encorajando uma mudança de comportamento em direção ao uso racional de medicamentos por toda a sociedade.

Em âmbito nacional, a regulação do setor farmacêutico é uma competência da Entidade Reguladora Independente da Saúde (ERIS), que continua a promover esforços, juntamente com entidades parceiras, para garantir o acesso e a utilização responsável de medicamentos eficazes, seguros e de qualidade.

A luta contra a resistência aos medicamentos antimicrobianos é uma responsabilidade de todos, faça a sua parte!

Siga-nos